g2h

level

sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Quando um elefante morre

Quando um elefante morre geralmente quando seus molares caem, ficando assim impedido de se alimentar de plantas.

Expectativa de vida é de 60 anos o termo genérico e popular pelo qual são denominados os membros da família Elephantidae, um grupo de mamíferos proboscídeos elefantídeos, de grande porte, do qual há três espécies no mundo atual.duas espécies de elefante-africano: Loxodonta africana, da savana, e Loxodonta cyclotis, que vive nas florestas. Os elefantes são os maiores animais terrestres pesando até 11 toneladas e medindo em média quatro metros de altura. Suas presas são de marfim.

Devido ao seu tamanho, um elefante adulto pode ingerir entre 70 a 150 kg de alimentos por dia. As fêmeas vivem em manadas de 10 a 15 animais, lideradas por uma matriarca, compostas por várias reprodutoras e crias de variadas idades. O período de gestação das fêmeas é longo (20 a 22 meses), assim como o desenvolvimento do animal que leva anos a atingir a idade adulta. Os filhotes podem nascer com 90 kg. Os machos adolescentes tendem a viver em pequenos bandos e os machos adultos isolados, encontrando-se com as fêmeas apenas no período reprodutivo.
Os elefantes têm poucos predadores. Exercem uma forte influência sobre as savanas, pois mantêm árvores e arbustos sob controle, permitindo que pastagens dominem o ambiente. Eles vivem cerca de 60 anos e morrem quando seus molares caem, impedindo que se alimentem de plantas.
Durante a época de acasalamento, o aumento da produção de testosterona deixa os elefantes extremamente agressivos, fazendo-os atacar até humanos. Acidentes com elefantes utilizados em rituais geralmente são causados por esse motivo. Cerca de 400 humanos são mortos por elefantes a cada ano.
A tromba também é utilizada para beber. Elefantes chupam água pela tromba (até quatorze litros de cada vez) e depois despejam-na para dentro da boca. Elefantes também inalam água para despejar sobre o corpo durante o banho. Utiliza terra e lama, que servirá de protector solar. Quando nada, a tromba também pode servir de tubo de respiração.
A tromba serve também para dar ao elefante um sentido muito apurado de cheiro. Levantando a tromba no ar e movimentando-a para um lado e para o outro, como um periscópio, o elefante consegue determinar a localização de amigos, inimigos ou fontes de comida.
As presas de um elefante são os segundos incisivos superiores. As presas crescem continuamente; as presas de um adulto médio crescem aproximadamente 15 cm por ano. As presas são utilizadas para escavar à procura de água, sal ou raízes; para retirar a casca das árvores, para comer a casca; para escavar a árvore adansonia a fim de retirar-lhe a polpa; e para mover árvores ou ramos quando um trilho é criado. Para além disso, são utilizadas para marcar as árvores para demarcar o território e ocasionalmente como armas.
Os dentes dos elefantes são muito diferentes dos da maior parte dos mamíferos. Durante a sua vida eles têm normalmente 28 dentes. Estes são:
• Os dois incisivos superiores: as presas.
• Os percursores de leite das presas.
• 12 pré-molares, 3 em cada lado de cada maxilar.
• 12 molares, 3 em cada lado de cada maxilar.
Sua pela tem cerca de 2,5 cm de espessura
Os pés de um elefante são quase redondos.
O elefante é um bom nadador, mas não consegue trotar, saltar ou galopar
Andando a passo normal, um elefante anda a cerca de 3 a 6 km/h mas pode chegar a 40 km/h em corrida.
Se um elefante quer intimidar um rival ou predador, estende as orelhas para parecer maior e mais imponente

Ao longo da história, os elefantes foram utilizados pelo Homem para várias funções, como transporte, entretenimento e guerra.
Agora uma piadinha para descontrair, de elefante é claro.


Quando um elefante morre


O velho elefante havia sido uma das principais atrações do zoológico. Infelizmente, como é o destino de todos nós,
Todos ficaram muito tristes com o fato, inclusive os visitantes que observavam, consternados, o corpo inerte do grande animal.
Mas um fato chamava a atenção de todos. Parado ao lado do elefante estava um homem chorando muito. A cena era de tocar o coração de qualquer um, tamanho o sofrimento que o sujeito exibia.
Vendo aquilo tudo estava um casal, e a mulher falou:
- Pobre homem! Acho que era ele que cuidava do elefante. Deve estar sentindo muito a perda.
Aí o marido responde:
- Não é isso, não! Esse cara é o “secretário” daqui. Ele é que vai ter que cavar o buraco pra enterrar o bicho!

Quanto tempo leva para cavar o buraco? Se alguém souber deixe um comentário.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens populares

Google+ Followers

Google+ Badge